A Cidade de Santos por Thiago Baraldi.

Santos é uma puta velha que costumava ser amante de um ricaço. Vivia no bem bom, bebendo e fumando do melhor, se achava gostosona – até era bem ajeitada – e ria alto das baianas que não tinham nenhum amante ricaço. Um dia o velho morreu, e Santos, enrugada e toda caída, ficou na pior. O falecido não deixou nada pra ela, e as senhoras finas da sociedade a evitam. Ela passa suas noites bebendo cerveja no boteco, ou jogando um real de cada vez em um bingo molambento.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s