Feliz 2008

.flickr-photo { border: solid 2px #000000; }.flickr-yourcomment { }.flickr-frame { text-align: left; padding: 3px; }.flickr-caption { font-size: 0.8em; margin-top: 0px; }


FELIZ 2008, originally uploaded by flaviadurante.

Obrigada a todos que fizeram parte da minha vida esse ano!

Anúncios

Pano Rápido

. A votação de melhores blogs de moda no Prêmio Chic 2007 tá mais difícil do que escolher o melhor álbum do ano. Votei no Fora de Moda mas com aperto no coração por ter deixado o Moda pra Ler, o Oficina de Estilo e o Moda Sem Frescura de lado. Aliás, neste último vejam o primeiro editorial de moda produzido especialmente para um blog. Genial! Que em 2008 os blogs de música sejam tão atualizados, variados e bem escritos quanto os de moda.

. O Mano Ronson mandou um saaalve pra mim na mais recente edição de seu podcast Autentic Shit. É aos 01:39:25, ouve lá! Nem precisa dizer que fiquei boba mais três dias, né? Hehehe!

. Por falar em podcast ouve o que eu gravei pro Dykerama!

. Hoje às 23h15 apareço no programa “Urbano“, do Multishow, falando sobre redes sociais. Veja os horários das reprises no site.

. E dia 22/12 tem POPSCENE! de Natal com DJ set do Marcelo Panda e show do Bo$$ in Drama!

Update: Vejam minha opinião sobre o disco do ano no site Erika Palomino.

Enquete Pá-Pum

Fiz uma pergunta pros amigos em meu MSN: “qual o melhor disco do ano?” Eis as respostas…

Diego Assis diz:
Andrew Bird, “Armchair apocrypha”

Geovanna Morcelli diz:
back to black é de 2007? se for, é esse!
Geovanna Morcelli diz:
aiiiiiiii
Geovanna Morcelli diz:
tem radiohead tbem
Geovanna Morcelli diz:
ahhaha

Adilson Barros diz:
eu curti o lcd soundsystem.. que eu baixei tem uma semana
Adilson Barros diz:
o disco novo do wilco tbm tá legal
Adilson Barros diz:
mas eu sou suspeito pra falar do wilco

Alisson diz:
The Go! Team – Proof of Youth

João Perassolo diz:
melhor disco: “We Know About The Need”, do Bracken

Isabela Ferro diz:
keys to the highway – flaming sideburns

Mari Machimalo diz:
era vulgaris do QOTSA

Kadu Barral diz:
qotsa – era vulgaris
Kadu Barral diz:
é desse ano?
Kadu Barral diz:
hehehehe
Kadu Barral diz:
é tão confuso esse negocio de ano

Tatiana FC diz:
spoon.

Ton diz:
pra mim os melhores de 2007, de bandas gigantes, foram do Kings of Leon… e do Modest Mouse…
bandas independentes brazucas foram Superguidis e Violins…

Alex Estiva diz:
assim sem pensar muito… o Amarga Sinfonia do Superstar do Superguidis foi o disco que mais ouvi nesse ano

Babi Lopes diz:
resposta pá-pum: radiohead

Barbie da Silva diz:
o fabric live do spank rock

Marcelo Damaso diz:
Internacional – Black rebel Motorcycle Club – “Baby81”

Gabriel Moskito diz:
É o “I Shall Exterminate Everything Around Me That Restricts Me From Being The Master” do Electric Six. E também pode ganhar na categoria “Maior nome”.

Filipe Luna diz:
gringo: Kanye West – Graduation (só porque todo mundo vai votar no Radiohead, que é foda também). nacional: Siba – Toda vez que eu dou um passo o mundo sai do lugar

[marcuspreto] diz:
caraio.
[marcuspreto] diz:
cê me perdoa?
[marcuspreto] diz:
vou ser óbvio.
[marcuspreto] diz:
ORQUESTRA IMPERIAL

Alemão UC diz:
wombats
Alemão UC diz:
A Guide To Love, Loss & Desperation

Six diz:
animal collective – strawberry jam

Gu diz:
to pensando…
Gu diz:
neon bible

André Palugan diz:
HAHAHH pápum foi boa
André Palugan diz:
só um?
André Palugan diz:
Liars

(5 minutos depois…)

André Palugan diz:
NÃAAAAAAAAO
André Palugan diz:
spoon – GA GA GA GA GA GA
André Palugan diz:
tinha esquecido HAHAHAHAHAHHA
André Palugan diz:
SPOOOOOOOOON

Rafa Spoladore diz:
complicado.
Rafa Spoladore diz:
budos band II

Diana diz:
fome de tudo
Diana diz:
nação!

Aninha Antoniolli diz:
se for de lá é o bring on the comets do vhs or beta
Aninha Antoniolli diz:
nacional, o lucy and the popsonics
Aninha Antoniolli diz:
se vc ouvir o vhs or beta, vai amaaarrrrrr

Luc diz:
hmmm
Luc diz:
de 2007?
Luc diz:
Justice
Luc diz:
ahahahah

Ana Carmo diz:
internacional: Some Loud Thunder – CYHSY
nacional: não sei…

E o seu? Responda nos comments… Mas é pá-pum, sem mais delongas! ;-)

Priceless

Conhecer pessoalmente um artista que você admira e ele ser melhor do que a expectativa não tem preço! O Mark Ronson, DJ e produtor que é minha obsessão dos últimos meses, é um querido, fofo e atencioso! E tinha tudo pra ser o oposto disso, talentoso, rico e lindo que é e com a mulherada caindo matando em cima.

O Royal Club parecia não ter nada a ver como um dos palcos do Motomix. É uma boate de grã-fino com uma Stellinha a R$ 10,00, ingresso caro que espantou seus fãs, boa parte indies freqüentadores do Milo Garage. Mas acabou se revelando um espaço perfeito pois como é pequeno ficou um ótimo clima intimista.

Tanto que criei coragem e pedi pra ele tocar uma música do Shocking Blue, “Send Me a Postcard”, que eu havia lembrado como era legal através de seus podcasts na East Village Radio. A voz da Mariska Veres era uma das mais bonitas da música pop em minha opinião. (Aliás, dia 02/12 faz um ano que ela faleceu.)

Foi o que bastou pra rolar toda uma comunicação entre a gente, hahaha! O moço ficou super entusiasmado por eu ter pedido essa música e tocou uma dobradinha SB com essa e “Venus”, a mais famosa da banda. E como se não bastasse beijou minha mão, perguntou meu nome e lembrou dele depois!!! Ouvir meu nome saindo da boca daquela figura que até ontem eu só conhecia de fotos, vídeos e mp3 foi surreal, haha!

Aí no final, quando fui entregar um presente que eu havia preparado (uma caixa cheia de CDs de música brasileira, mixtapes, uma garrafinha de cachaça, fitinhas do Nosso Senhor do Bonfim, cartões postais, flyers e um livro de fotos de grafitti brasileiro), ele ficou super emocionado e falou que não abriria na minha frente pois ficaria envergonhado! ;”)

Quanto ao seu set foi bem divertido! Estava programado ele tocar no máximo duas horas mas acabou tocando da 1 às 5 da matina pois ele ficou bem feliz com a reação do público. Mesmo sendo fã ardorosa do cara confesso que nossos DJs daqui não ficam devendo em nada, principalmente o Guab que, aliás, estava lá pois também é um grande fã de Mr. Ronson. Mas mesmo se eu tivesse pago os tais R$ 150,00 não teria me arrependido nem um pouco pois ouvir “ao vivo” as músicas que foram trilha sonora da minha vida este ano, o disco dele e o da Amy, foi bem emocionante. Que ele volte o mais rápido possível a SP, desta vez com banda! Todos que vi na internet em festivais ou programas foram brilhantes!

Uma das coisas que mais gosto na música é de como ela faz a gente se sentir com 15 anos novamente, sem medo de ser feliz! Essa maratona de tietagem fechou 2007 com chave de ouro!

PS: E pensar que em “who I’d like to meet” em meu MySpace estão Mark Ronson, Calvin Harris e o Michael Jackson, hahaha! Agora só faltam os dois últimos! ;-)

Nada Funciona

Sou assinante da NET, pedi instalação do Vírtua há dois meses, prometeram em dez dias, e até agora nada, nenhuma satisfação.

Me inscrevi no plano de saúde da Samcil há um mês e a carteirinha que prometeram há 15 dias não chegou até agora e talvez ainda demore mais dez dias.

Vou lá rever “Um Dia de Fúria” e já volto…

Assim não dá!

7 Anos

Passou em branco mas o C:\Blah Blah Blog completou sete anos de existência no início de outubro. Ele tá meio largadinho porque não dá gosto em postar nele com esse template tosco. Mas em breve o site ganhará uma cara nova através de uma parceria com a DiabaQuatro! ;-)

Além do mais trabalhei como nunca nessas últimas semanas! Agora sou assessora de imprensa do CSS no Brasil e também divulguei o Eletronika. Por conta dele estive em Belo Horizonte pela primeira vez na semana passada. Adorei a cidade!

E até o final do ano a correria continua. Estou trabalhando com a banda The Name, de Sorocaba, e com o Impostora. Também estou com a nova agência Universo em DJs. O Turbo Trio tá lançando disco pela YB. E até pra jurada do concurso de bandas do Motomix fui chamada!

Esse ano, apesar de uma grande decepção em agosto, foi excelente pra mim profissionalmente! Trabalhei com grandes obras, conheci muita gente bacana, fiz o curso de DJ que eu tanto queria, viajei… Muito bom poder me manter com o que eu sempre quis, que é a música!

Que 2008 continue nesse ritmo e daí pra mais!!!

iPod Touch

Em primeira mão, o comercial do novo iPod Touch que tem como trilha a ótima “Music is My Hot Hot Sex”, do Cansei de Ser Sexy. O flme estréia no próximo domingo nos Estados Unidos durante os intervalos do Superbowl, da NFL e de “Desperate Housewives”! =O

A Apple reutilizou um vídeo caseiro produzido por Nick Haley, um jovem inglês de 18 anos, fã do CSS. Deu no NY Times: “Mr. Haley said he was inspired to make the commercial by a lyric in the song, “My music is where I’d like you to touch.”

Perfeito! ;-)