Minha semaninha no Spa Med Sorocaba

Spa Med Sorocaba Campus
Essa era eu

Desde que me formei em Jornalismo, mudei pra São Paulo e passei a trabalhar sentada direto entrei em um processo de engorda que me fez passar os três dígitos em menos de 15 anos. Nunca deixei de fazer nada por estar gorda e apoio totalmente o momento atual de busca de valorização das mulheres plus size, mas quando o peso começou a prejudicar minha saúde o alarme interno tocou. Como parte da irônica geração 90’s, – o oposto da geração 80’s dos VHS de malhação da Jane Fonda, “Flashdance” e aeróbica com trilha de Jean Michel Jarre,- nunca fui muito fã de ginástica e nem de esportes e fugia das aulas de Educação Física na escola como o diabo fugia da cruz. Mas isso mais cedo ou mais tarde acaba cobrando o seu preço, não há como negar.

Depois do susto de ter descoberto há três anos que tenho hipertensão comecei a fazer exercícios físicos (cheguei a fazer capoeira, musculação e yoga em Santos mas sempre abandonava). Passei por algumas academias, fiz musculação, dança e acabei me encontrando no Pilates, que pratico duas vezes por semana. Mas ainda não era suficiente. Alguns exames recentes acusaram estágio inicial do diabetes então eu precisava tomar alguma atitude mais drástica pois ficar com a saúde comprometida antes dos 40 anos era tudo o que eu menos queria. Tomo quatro remédios por dia pra hipertensão e controle da diabetes e cansei dessa rotina, quero me libertar disso de vez!

Vida saudável só lá em cima?

Sempre tive o sonho de passar alguns dias em um spa pra começar a mudar os meus hábitos. Como a comida é pra mim uma compulsão, nada seria melhor do que um “rehab” longe de tudo e de todos pra repensar a vida e dar início a minha mudança de hábitos. E a convite do Spa Med Sorocaba fiquei seis dias hospedada lá durante minhas férias e faço aqui um relato pra, quem sabe, incentivar quem tem vontade de fazer o mesmo. ;-)

Fui de ônibus (Sorocaba fica a 1h15 de São Paulo) com a cara e a coragem sem saber o que esperar pois nunca tinha estado em um spa. Chegando lá a recepção passa todas as informações pra sua estadia e uma das atendentes te leva pra mostrar o espaço e te levar até sua acomodação. No quarto ela revista a sua mala e pertences. Pra quem acha invasivo, a explicação: não são raros os relatos de gordos que entocam doces, bombons nas meias e sapatos e até colocam leite condensado nos frascos de shampoo, hahahahaha! Engraçado mas também bizarro saber que as pessoas gastem dinheiro com o spa e botem tudo a perder logo de cara.

Devidamente instalada, fui até o Centro Médico para a avaliação médica com uma clínica geral. Contei todo meu histórico, ela me pesou, mediu pressão, glicemia e depois chegamos ao consenso de quanto seria a minha dieta: 600 calorias (as outras opções são 300 e 450). Quem fica acima de sete dias tem direito a uma equipe de endocrinologistas, psicólogos, nutricionistas e cardiologistas, além de exames de sangue e urina, tudo já incluso no pacote.

Uma das refeições da dieta de 600cal

São seis refeições diárias: café da manhã, colação, almoço, lanche da tarde, jantar e ceia. A comida é bem saborosa e colorida mas as porções, claro, são minúsculas. Não vou negar que o começo foi bem sofrido, principalmente pra quem estava acostumada com uma dieta de 2000 calorias/dia. Cheguei a ficar um pouco fraca e a dar uma choradinha no canto no terceiro dia, haha. Mas dizem que isso é normal, é a chamada cetose. É um processo que acontece quando alguém está em restrição alimentar, o corpo passa a usar sua própria gordura pra manter o ritmo e isso causa um mal estar inicial. Depois desse sofrimento você acostuma e aí vê o quanto costumamos comer muito além do que precisamos pois morrer de fome ninguém morre. E você passa a aproveitar e saborear mais cada refeição, mastigando lentamente pra que a comida dure mais, hahaha. Até quiabo eu comi e nem o nabo da decoração do prato a gente dispensava. O índice de desperdício de alimentos do Spa Med deve ser bem próxima de zero! *rs

Hidroginástica não é só coisa de velhinha

Quanto às atividades físicas, o Spa Med Sorocaba conta com academia, quadras, piscinas e pistas de caminhada e excelentes professores e recreadores. Como adoro nadar e não tem academia com piscina perto de casa ou do trabalho priorizei as atividades na água, fazia as versões light e power da hidroginástica. Também caminhava bastante pelo spa, – que é cheio de morrinhos -, fazia aulas de alongamento ou yoga, dança de salão ou do ventre em uma média de três atividades físicas por dia. Duas vezes por semana eles promovem caminhadas externas nos parques de Sorocaba, o que é ótimo pra mudar de ares um pouco.

Em relação ao lazer, a cada noite havia alguma coisa na Sala Sede, o espaço de confraternização do spa: Baile do Havaí, Noite Zen, do videokê, do video game… Jogávamos Kinect, com o qual também dava pra perder várias calorias de tanto que a gente pulava. Muitos preferiam ficar apenas jogando cartas, vendo TV ou ficando no laptop. O wi fi era gratuito e funcionava bem e todo o spa. Há também um “Espaço Cult”, com mesinhas de pebolim, ping pong e filmes.

O Spamed Sorocaba é cheio de tratamentos estéticos e terapêuticos. Acabei não fazendo nenhum pois não quis gastar e já costumo fazer fora de lá. Mas no centro de hidroterapia aproveitei bem a ducha escocesa, a piscina com hidromassagem e as saunas.

Aula de culinária light

Uma das coisas de que mais gostei foram as aulas de culinária light dadas pelas nutricionistas do spa. Além do prato tema da aula, elas davam várias e ótimas dicas de como reduzir as calorias de cada prato. Uma das dicas é “fritar” filés de carne e frango com água. Basta você temperar do jeito que gosta com o sal reduzido e acrescentar um pouco de água enquanto estiver grelhando na frigideira.

A maioria dos internos é de mulheres acima dos 50 anos. Fiquei um pouco envergonhada no início mas depois fiz algumas amizades e conheci lindas histórias de vida. Como a da senhora que depois dos 65 anos resolveu se cuidar e também ir atrás do seu sonho, cursando faculdade de Direito. E também causos engraçados que até viraram lendas do spa, como a do gordo que após levar uma rígida bronca por terem achado um Sonho de Valsa em suas coisas, alugou um helicóptero ao sair do spa e simplesmente despejou uma chuva de bombons pelo campus. Dizem que era gordinho achando os chocolates pelos jardins por meses, hahahahaha!

Uma coisa com que fiquei surpresa com o número de pessoas que já fizeram a cirurgia de redução do estômago e voltaram para o spa! Pense mil vezes se é o caso de você fazer esse tipo de cirurgia pois além de ser muito arriscada, se você não mudar também a sua cabeça e fizer uma mudança total de hábitos não vai adiantar nada.

Noite zen

Uma dica que eu dou é que se você resolver ir a um spa procure ir com alguém, principalmente se você for  uma pessoa que não consegue ficar muito tempo sozinha. Além do período ficar bem mais agradável, ter um companheiro de batalha ao seu lado dá muito mais ânimo pra continuar o processo. Dê alguns dias de presente para os seus pais, vá com o seu marido ou namorada ou até um amigo.

No final da estadia perdi 3,2kg em seis dias, o que é uma média razoável para o período. Mas entrei com a intenção de reaprender a me alimentar. Cada um sabe o que faz da sua vida mas eu não curto remédios, cirurgias e nem dietas restritivas malucas. Não tem jeito, reeducação alimentar e atividades físicas são os termos chave pra um emagrecimento saudável e sem neuras. Fácil não é, mas também não precisa ser tão rápido já que o processo de engorda demora anos, não vamos emagrecer tudo de uma vez.

O investimento é alto, – a diária custa a partir de R$ 430,00 -, então só vá quando você realmente estiver disposto a mudar seus hábitos para não jogar dinheiro fora. Mas se você chegar ao ponto de precisar de uma cirurgia de estômago sairá muito mais caro se você não tiver um bom plano de saúde ou não conseguir uma vaga no SUS. Fora a agressão que é mexer no seu corpo desse jeito. Mas pra quem não tem condições financeiras fique de olho na fanpage do Spa Med pois eles sempre fazem várias promoções.

Com a Márcia, uma das amigas que fiz no spa

Após o período no spa voltarei para a minha nutricionista de onde vergonhosamente sumi depois das férias do ano passado (cof, cof…). Depois de não ter morrido com uma dieta de apenas 600cal a espero tirar a letra a de 1200 que eu precisava ter feito. *rs Mas antes de retornar lá já estou pensando duas vezes antes de comer algo muito gorduroso, salgado ou doce pra não botar tudo a perder. Não penso só na estética mas em saúde pra ter pique por ainda muito tempo pra viajar, dançar, ir a shows e correr atrás da minha sobrinha… ;-)

Continuo no Pilates e agora procuro outra atividade pra complementar, talvez alguma dança ou arte marcial. Mas conheço a minha pessoa, a academia tem que ser muito perto de casa ou do trabalho senão qualquer coisinha vira desculpa pra não ir. Se você não tem saco pra academias, seus desfiles de corpos e o poperô insuportável, procure adaptar à sua realidade e fazer algo que te dê também prazer. Se você se mata de malhar mas detesta o que faz o cérebro vai procurar a satisfação de outra forma, geralmente num sanduba na lanchonete ao lado da academia ou num pacote de bolacha em casa.

Euro treino, euro treino!

Não gosta de musculação ou ginástica localizada, assim como eu também não gosto? Procure danças (de salão, hip hop, burlescas, ballet, afro, pop), Pilates, yoga, artes marciais… Nem assim te animou? Games com sensores de movimentos como o Wii e o Kinect são jeitos bem divertidos de se movimentar sem sair de casa (até achei esse interessante blog Magros com Kinect). Não gosta de games? Vá de bicicleta ou a pé para o trabalho, desça um ponto de ônibus antes ou depois do usual ou dê uma caminhada depois do almoço, antes de voltar para o escritório. Não precisa virar um Terry Crews e encarar um monumental euro treino, só não dá pra deixar de se movimentar. E não deixa pra segunda-feira não, comece hoje! ;-)

Veja fotos dos pratos e do spa na galeria abaixo:

Anúncios