Patti Smith lança novo álbum, "Banga"

Depois de oito anos sem lançar um disco de inéditas, Patti Smith lança hoje o seu 11º álbum, “Banga”, já disponível por vias extra oficiais.

Pelo jeito o sombrio e caótico ano de 2011 inspirou claramente esse trabalho que fala de morte, de história, da natureza e seus desastres. Esses temas podem ser sentidos nos tributos a Amy Winehouse (“This is the girl”), de quem Patti era muito fã, a atriz Maria Schneider (“Maria”), que também faleceu no ano passado, e em “Fuji-san”, dedicada as vítimas do tsunami do Japão.

Com participação de Tom Verlaine (do Television), do ator Johnny Depp e de seus filhos, Jackson e Jesse, o disco traz ainda uma belíssima cover de “After the Gold Rush”, de Neil Young.

O interesse pela poetisa do punk voltou com força após o lançamento de seu fabuloso livro, “Só Garotos” (Just Kids), lançado no Brasil em 2010 pela Companhia das Letras. A produção de uma versão cinematográfica do livro já está em andamento desde o meio do ano passado. Há uma torcida para que Patti e Robert Mapplethorpe sejam interpretados por Charlotte Gainsbourg e James Franco, respectivamente. 
Pra quem, como eu, perdeu o seu show histórico na versão carioca do Tim Festival de 2006, só resta torcer pra que a rainha volte ao Brasil pra divulgar o seu novo disco. Por enquanto só está prevista uma turnê européia.
Ouça abaixo “This it the girl”, homenagem a Amy:
Aqui, um widget com o disco inteiro pra ouvir:

Tributo ao Ronnie Von faz cinco anos e volta ao ar

Ontem ao assistir a alguns clipes da Video Hits no YouTube lembrei que o Tributo Ao Ronnie Von, que produzi em 2007, já completou cinco anos. Pra comemorar essa data, coloquei-o novamente no ar, desta vez no Soundcloud.

Foi um dos trabalhos que mais gostei de fazer como “ativista cultural”, como me nomeou certa vez o Lúcio Ribeiro. A repercussão na época foi ótima e a obra do Ronnie foi finalmente resgatada e conhecida pelas novas gerações. A única coisa que não rolou foi um show pra lançar o tributo e celebrar este que foi um dos álbuns mais ousados da história do rock brasileiro. Mas nunca é tarde! Quem sabe em 2013, quando o disco completa 45 anos de seu lançamento?

Pra quem não conheceu o tributo na época, ele se divide em duas partes: no Vol. 01 o disco psicodélico de 1968 é inteiramente reproduzido. No Vol. 02, faixas dos discos dos anos 60 e 70. Tem banda que não existe mais, tem gente que infelizmente já partiu, tem gente que montou outras bandas, enfim, vale a pena relembrar e, claro, sempre reverenciar o nosso querido Pequeno Príncipe!

O tributo pode ser baixado aqui. E os discos psicodélicos do Ronnie Von aqui ou aqui.

 
 

Link: www.facebook.com/ronnievon

Sam Sparro disponibiliza EP gratuito na internet

Sam Sparro disponibilizou gratuitamente na internet um novo EP, “Pink Cloud”. O EP vem com  remixes da música que já havia ganhado um clipe há alguns meses (veja abaixo), além de “You’s a Nasty”. É só colocar o e-mail no site do artista e eles te mandam o link pra download.

O EP é um aquecimento pro lançamento de seu segundo disco, “Return to Paradise”, que pelo jeito vai vir bem mais puxado pra house music/UK garage do que o seu primeiro álbum, o ótimo e electrofunky “Sam Sparro”. Com certeza “Pink Cloud” e “You’s a Nasty” vão tocar muito nas buatchys com o revival dos anos 90 que já está despontando por aí.

Tenho com ele uma história muito engraçada. Em 2009 ele se apresentou numa festa da Oi FM e quando estava circulando por lá veio falar comigo pois tinha me reconhecido do Twitter! A tiete teve seu dia de tietada, hahahahaha! Talentoso, lindo e muito querido! ;-)
Acesse e ouça: www.samsparro.com

Relembrando o Grape Storms

Andou me batendo ultimamente uma vontade de ouvir Grape Storms, banda indie/shoegazer goiana dos anos 90. Não achei mais do que dois mp3 na internet, então quando estive na casa da minha mãe no último feriado trouxe o disquinho deles que eu tenho, um relançado pela mmrecords em 2001.
Infelizmente não cheguei a conhecer a banda na época em que ela existia, só depois através da amiga Aninha e pelo finado mp3.com. Parte do grupo continuou com o nome de Spherya e outra com o nome de Litro. Um de seus integrantes, Jeff Garcia, chegou a ter êxito como compositor popular. Compôs músicas pra sumida Nila Branco, incluindo “Diversão”, que foi trilha da novela Desejos de Mulher. Não achei mais sobre o paradeiro deles atualmente. [Aliás, bem triste perceber como não existem fontes reunidas sobre o Indie-Br, apenas informações soltas em listas de discussão e no cache de e-zines que não existem mais. :”( Quem sabe um dia eu me anime a voltar com o Assessorindie…]

Ao lado do Astromato, que também acabou há alguns anos, o Grape Storms é uma das minhas bandas indies brasileiras favoritas de todos os tempos! Pra quem nunca ouviu ou quer relembrar, subi o disco pra este link.

Gruff Rhys lança nova música na internet, "Shark Ridden Waters"

Depois do disco com Tony da Gatorra, o líder do Super Furry Animals, Gruff Rhys, começa a preparar o seu terceiro álbum solo, que sairá em fevereiro do ano que vem.

Ontem ele lançou gratuitamente na internet o mp3 de “Shark Ridden Waters”, que dá pra baixar através deste widget abaixo. O single será lançado em vinil de 12″ no dia 8 de novembro.

Não deixe de ouvir os seus dois discos solo, “Yr Atal Genhedlaeth”, de 2005, e o “Candylion”, de 2007, que são belíssimos. Além do SFA, claro, que praticamente de dois em dois anos lança disco novo.

Confesso que comecei a prestar atenção no SFA tardiamente, somente após o “Love Kraft”, de 2005. Tinha um preconceito besta com a banda, sei lá o porquê. Mas pirei com a música “Zoom” e nunca mais larguei! Tive a felicidade de vê-los ao vivo no ano passado, no histórico show do “Dia do Apagão”. Antes tinha visto o Gruff  Rhys com o seu ótimo projeto Neon Neon no Tim Festival de 2008 e no show onde começou a parceria cósmica com o Tony da Gatorra, em 2007.

Aquecimento TBO

Pra quem, como eu, perdeu o show de ontem no estúdio Caffeine eis o que o Thee Butchers’ Orchestra prepara pra gente amanhã no Clube Belfiore


Update: Parece que o show de hoje no CB vai ser bapho! Fui cair na besteira de mandar o nome pra lista de desconto na última hora e recebi isso: “LISTAS PARA SEXTA E SÁBADO ESGOTADAS! CHEGUE CEDO PARA GARANTIR SUA ENTRADA NA CASA. ABERTURA ÀS 22H”.
Pra passar o nervoso, mais um vídeo, agora o inédito e não lançado de “Back in Time”, faixa do álbum “The Complete B-Side Series”.

Boss in Drama lança EP pelo MySpace

Já que pelo jeito o meu favorito Calvin Harris quer virar o Tiësto, que 2009 finalmente seja o ano do Boss in Drama. O produtor curitibano Péricles Martins acaba de lançar “Your Favorite EP” pelo MySpace. 


Já vislumbro o Péricles fazendo remixes de Justin Timberlake, turnês com o Basement Jaxx, parcerias com Kanye West, produção da Kylie Minogue, luxo, poder e cobiça! Se o mundo ainda for justo isso é o mínimo que vai acontecer!

Nova do Franz Ferdinand

Vazou “Ulysses”, do próximo álbum de uma das melhores bandas do mundo, Franz Ferdinand. Pra quem é DJ ou produtor, se liga pois tá rolando um concurso de remixes pra essa música no Beatport. O single será lançado em versão digital no iTunes dia 2 de dezembro e “Tonight”, o terceiro disco, está previsto pra dia 26 de janeiro. Pra começar 2009 com o pé direito!!! \o/

Franz levanta até defunto!!!

Basement Jaxx remixa Adele

Minha dupla britânica favorita avisa em seu blog no MySpace que remixou “Cold Shoulder”, de Adele, colega do selo XL, para o single que sai no dia 21 de abril. O mp3 ainda não vazou, procurei loucamente na web, mas você pode ouvir o remix na versão que ripei do programa do Pete Tong no player abaixo.

PS: Bem que o Terron disse que a música tinha um quê de BJaxx.

Update: Finalmente vazou o mp3 (320 kbps)!