RIP Nick Ashford

Faleceu ontem aos 69 anos, o cantor e compositor Nick Ashford, que ao lado de sua esposa Valerie Simpson, foi autor de várias pérolas da música pop. Se você é fã de música negra provavelmente terá pelo menos uma dessa dupla em sua lista de favoritas. Separei aqui um Top 5, tarefa bem difícil!

(uma de minhas músicas favoritas!)

(aka uma das melhores músicas de todos os tempos!)

Aqui, ao lado de James Brown e de Chaka Khan, ele aparece ao piano no clássico The Blues Brothers:

Além das composições para outros artistas, formaram uma dupla de sucesso nos Estados Unidos nos anos 70 e 80, Ashford & Simpson, cujo maior sucesso foi “Solid”. Em 2002 foram incluídos no Songwriters Hall of Fame. Em 2006 ganharam co-autoria de “Tears Dry On Their Own”, de Amy Winehouse, que usou “Ain’t No Mountain High Enough” como base. E continuavam a se apresentar nos dias de hoje. 

Mr. Ashford, descanse em paz e muito, muito obrigada por ter feito nossas vidas mais felizes com sua bela música! ♥

PS: Também faleceu neste dia 22/08 outro grande compositor, Jerry Leiber, autor de “Stand By Me”, “Hound Dog” e “Jailhouse Rock”. :-(

Marina & The Diamonds e sua farofa radioativa

Marina & The Diamonds já havia se declarado um “#FAIL” por seu primeiro álbum, The Family Jewels, não ter tido um sucesso muito grande (“I feel pissed off I’m not bigger”), então já era de se imaginar que ela procurasse um caminho mais pop em seu segundo disco. Sem falar na turnê com a farofenta Katy Perry, que logo virou amizade. Pois eis que depois da conceitual “Fear and Loathing” Marina lançou hoje mais uma música de seu novo e misterioso projeto Electra Heart, “Radioactive”:

Pois é… BEM diferente de tudo de seu primeiro CD! O poperô tem produção da dupla de produtores noruegueses Stargate (Rihanna, Katy Perry, Ne-Yo, Beyoncé) e do DJ Chuckie. Não é ruim, é uma farofa gostosinha e recheada até, embora esse synth eurodance já esteja mais manjado do que andar pra frente. O que me desagradou mais é ela tentar disfarçar com esse conceito artsy, peruca loira, superego e tal… Quer ser pop assume logo, Marina, saia do armário! ;-)

Essa “nova fase” já está dando o que falar. Os fãs estão surtando nos comentários do vídeo no YouTube. Alguns odiando mas muitos amando! Bom, não abandonei o Calvin Harris quando ele farofou, não vou abandonar a Marina. Gosto demais dela e ainda quero saber o que ela está guardando na cartola para o restante do disco. Oremos! \o/

O single vai ser lançado no dia 3 de outubro e o disco no início de 2012. O que vocês acharam de “Radioactive”?

Update: Saiu uma versão acústica da música. Linda! ;~~

Britney Spears, Shakira e outros artistas pop quando crianças e adolescentes

Acabei de ler o livro da Lynne Spears (pois é, haha) e como ela jurou que a Britney cantava muito bem quando era criança fui procurar no YouTube pra ver se era verdade. E não é que ela cantava bem mesmo? Nos vídeos relacionados achei  vários outros popstars cantando quando eram crianças ou adolescentes. Um “melhor” do que o outro, vejam! ;)

Britney Spears

Christina Aguilera
Rihanna

Justin Timberlake

Beyoncé
Shakira

Fergie

Avril Lavigne

Robyn

Lauryn Hill

Não sei como eles não fazem a Xuxa e mandam apagar tudo do YouTube! *rss

Rainhas prestam homenagem à Amy Winehouse

Nesta última quarta-feira, em um show em Nova Iorque, Wanda Jackson, tocou a sua versão para “You Know I’m No Good”. A música também faz parte de The Party Ain’t Over, álbum de regravações que a Rainha do Rock lançou no ínício deste ano, com produção de Jack White. Pra mim um dos melhores álbuns do ano. No show, Wanda, com 73 anos, disse “nunca imaginei que faria um tributo a Amy”.

Por favor, veja até o final!
Outra música de Amy também já fazia parte do repertório de outra diva, Ronnie Spector, ex-líder das Ronettes, a Rainha das Girl Groups. Aqui, “Back to Black” ao vivo em um show em 17 de dezembro de 2010. 

Depois da morte de Amy, Ronnie gravou em estúdio uma versão de B2B e escreveu um belíssimo texto para a Rolling Stone sobre a sua discípula inglesa no qual compartilhou o seu problema com a bebida. Abaixo, a tradução:

“Não ficava triste assim há muito tempo, ainda mais por alguém neste negócio. Tentei ir à mercearia fazer compras para minha família e eu parecia um fantasma pelos corredores. Não conseguia pensar em nada além de Amy. Quando a vi na TV há duas semanas e percebi que ela estava drogada e bebendo, eu disse: ′Diabos! Não fique como eu há 20 anos. Eu fiquei limpa, você também tem que ficar!’. E duas semanas depois ela está morta. Estou devastada.

Toda vez que eu olhava para ela, era como se estivesse olhando para mim mesma. Ela tinha meu penteado, meu delineador nos olhos, minha atitude. Ela tinha muita alma em sua voz e suas letras eram tão maravilhosas que eu não poderia fazer mais nada a não ser cantar uma de suas canções. Fiquei muito feliz de encontrar uma artista como Amy, ela me lembrava de minha juventude. E ela amava girl groups. Droga! Eu pensei que ela poderia continuar.

Quando eu tinha 20 anos, eu era uma garota perdida – que bebia, não sabia o que fazer ou onde ir. Nunca tomei drogas e dizia, “não, você não vai colocar uma agulha em meu braço”, mas beber era tão ruim quanto.  Nos anos 60 todo mundo estava se drogando e eu perdi muita gente para o vício. Eu conheci Jimi Hendrix. Costumava tocar com ele no Village. Quando eu tinha um hit número 1 no mundo todo, os Rolling Stones eram minha banda de abertura. Eu estava cercada de drogados, mas minha mãe sempre viajava comigo e, onde quer que eu fosse, ela servia como uma proteção para eu não ver as coisas ruins.

Você não consegue ficar em torno de pessoas que bebem ou usam drogas, mesmo membros da família. Aprendi isso 20 anos atrás no A.A. Eu tive dois garotos e quando eles tinham 4 e 5 mudamos para Connecticut. Em Nova York há lojas de bebidas em cada esquina e eu não precisava disso. Eu sabia o suficiente para deixar isso. Agora eu não bebo. Eu não faço nada além dos meus shows e tomar conta de meus filhos.

Amy veio ver meu show em Londres há uns seis meses e estava muito tímida, se escondendo atrás das pessoas, mas eu pude ver seu penteado e sabia que ela estava ali. Era tudo o que eu precisava. Quando eu cantei ‘Back to Black’ pude ver as lágrimas em seus olhos e eu também chorei”.

Isso só prova que Amy era tão especial que era respeitada até por divas absolutas da música! ;~~

E neste sábado, dia 30 de julho, vai rolar em Nova Iorque o Girl Group Extravaganza, grande show reunindo várias vocalistas de girl groups como Ronnie, Lala Brooks (The Crystals) e Lesley Gore. Provavelmente outra homenagem virá pois uma das últimas músicas gravadas por Amy foi justo uma interpretada por Lesley, “It’s My Party”, parte do Tributo a Quincy Jones lançado em 2010.

Queria ser uma mosquinha pra voar até esse show!!! ♥

Mark Ronson homenageia Amy Winehouse em show em Londres

Mark Ronson & The Business Intl. fizeram um show nesta quarta no festival Greenwich Summer Sessions e claro que não poderiam deixar de homenagear sua soulsista Amy Winehouse!

O show contou com a participação de Dave McCabe (The Zutons), dos Rumble Strips, de Kyle Falconer (The View), Alex Greenwald, MNDR e Andrew Wyatt (Miike Snow), além da banda e dos backing vocals de Amy na última música.

Segundo o Gigwise, Ronson disse ao público: “Vocês transformaram o que poderia ter sido uma mórbida noite em uma festa. Não há nada que eu possa dizer, mas eu fui ao funeral ontem e um rabino falou que a vida de alguém é medido em obras e não anos, e foi a melhor coisa que ouvi ontem. A genialidade dessa mulher e o que ela compartilhou conosco é muito especial e é ótimo que nós possamos que ouvi-lo. Foi muito bom compartilhar isso com vocês!” ;~~

Eis o setlist:

‘Valerie’ (acústico)
‘The Bike’
‘Song’
‘Loose It’
‘Just’
‘Oh My God’
‘Ooh Wee’
‘The Last Night’
‘California’
‘Rehab’
‘Animal’
‘You Gave/ Stop Me’
‘Somebody To Love Me’
‘Bang, Bang, Bang’
‘Back To Black’

‘Valerie’

Mark e Dave McCabe (The Zutons). Foto: Rebecca Louise (mais aqui)

Dave McCabe, do The Zutons, autor de “Valerie”, na versão acústica da música abrindo o show

Participação dos Rumble Strips em “Back to Black”
Participação dos Rumble Strips em “Back to Black”

“Valerie” na versão completa c/ participação de Zalon e Ade

PS: Se aparecerem mais vídeos eu colo aqui!

Alexander (novo projeto de Alex Ebert) lança o clipe de "Truth"

Alexander é o intrigante novo projeto solo de Alex Ebert, ex-líder do Ima Robot e do Edward Sharpe & The Magnetic Zeros. Há alguns dias ele lançou o belo clipe de “Truth”, uma das músicas do seu álbum auto-intitulado lançado em março deste ano, gravado inteiramente sozinho por ele. Dá pra baixar gratuitamente um remix da música feat. RZA preenchendo o cadastro neste site. Linda música!

Manuscrito de “Truth” postado em seu Facebook

Ouça sua participação no World Cafe do site NPR.

Jay-Z e Kanye West lançam música com sample de Otis Redding no ano do 70º aniversário do soulman

Foi divulgada na internet mais uma música do álbum que reúne Jay-Z e Kayne West, Watch the Throne. “Otis” conta com sample de nada menos que uma das melhores músicas de todos os tempos, “Try a Little Tenderness”, de Otis Redding.

Essa homenagem da dupla de ouro do hip hop norte-americano não poderia vir em melhor hora! No dia 9 de setembro, o cantor de soul nascido no estado da Geórgia comemoraria seus 70 anos se estivesse vivo. Uma série de eventos está sendo programada nos Estados Unidos pra comemorar o aniversário do grande artista que infelizmente nos deixou muito, muito cedo, com apenas 26 anos, em um acidente de avião no dia 10 de dezembro de 1967. Já estava mais do que na hora de rolar um resgate da obra desse cantor sem igual até hoje no mundo. Parabéns e obrigada, Jay-Z e Kanye West!

A fanpage mantida pela família de Otis Redding é excelente, está sempre atualizada. Lá dá pra acompanhar todas as homenagens que vão rolar: www.facebook.com/OtisReddingOfficialPage

Watch The Throne será lançado no dia 1º de agosto e também terá música com sample de Curtis Mayfield, “The Joy”. Nada, nada mal! Pra ouvir “Otis”, a música de Jay-Z e Kanye West, é só acessar o hot site do single: www.watchthethrone.com/otis

Veja aqui a última apresentação ao vivo de “Try a Little Tenderness”, um dia antes da morte de Otis. ;~~

PS: Pra quem quiser conhecer um pouco mais da vida de Otis Redding e da gravadora Stax/Volt, recomendo que assistam ao excelente documentário “Respect Yourself: The Stax Records Story”. Não deve ser difícil achá-lo nos torrents da vida.

Update 11/08/2011: Saiu o clipe de “Otis”, dirigido pelo Spike Jonze.

Veja Patti Smith cantando "Rolling in the Deep", da Adele

Depois de alguns dias, finalmente apareceu no YouTube um vídeo da rainha Patti Smith levando uma cover de “Rolling in the Deep”, de Adele, em um show quinta-feira em Nova Iorque (cobertura completa do show no Brooklyn Vegan). Ela chamou RITD de “música do verão”. Cantou sem saber a letra e o ritmo direito, mas querem benção maior do que essa? ;~~

Aqui o setlist:

Obrigada, @tatianafc! ;-)

Tudo sobre o show de Adele no iTunes Festival 2011

Que deslumbre a apresentação da Adele no iTunes Festival 2011 (que antipaticamente teve restrição de exibição em alguns países)! Não consegui assistir ao show ao vivo com os esqueminhas usando Hotspot pois estava no trabalho, só ouvi o áudio em uma rádio online, mas aos poucos estão surgindo os vídeos no YouTube. Mesmo com a voz ainda um pouco rouca por causa da laringite, a linda se supera a cada apresentação! ♥

O iTunes já tem o arquivo completo do show, vai lá e boa sorte, não consegui ver também aqui em casa. No YouTube o show também já inteiro. Fiz essa playlist abaixo com eles:

Obrigada por subirem os vídeos, #nah e Lucas! ;-)

Adele @ iTunes Festival 2011 set list

01. Hometown Glory
02. I’ll Be Waiting
03. Don’t You Remember
04. Turning Tables
05. Set Fire To The Rain
06. If It Hadn’t Been For Love (The Steeldrivers cover)
07. My Same
08. Take It All
09. Rumour Has It
10. Right As Rain
11. One And Only
12. Lovesong (The Cure cover)
13. Chasing Pavements
14. I Can’t Make You Love Me (Bonnie Raitt cover)
15. Make You Feel My Love (Bob Dylan cover)
16. Rolling In The Deep
17. Someone Like You

Fotos postadas pela XLRecordings:

Update: Subiram o show num arquivo só do iTunes! \o/